AGENDAS (2) CONTATOS (2) FOTOS (6) KYRIÓS (12) PESSOAIS (55) REFLEXÃO (144) VÍDEOS (29)

segunda-feira, 24 de novembro de 2008

Aprendendo com o SilênciO!


O silêncio fala.

Fala bem mais do que podemos supor.

O silêncio grita em certas ocasiões e é ensurdecedor o seu som!

Muitas vezes queremos fugir dele, dar as costas, fingir que não ligamos.

Mas o silêncio continuará falando.

Quem pode decifrar o significado do silêncio?

Quando estamos desesperados por uma resposta, é muito complicado ouvir o silêncio como resposta aos nossos por quês.

Mas, é necessário entender que, nem sempre, estamos preparados para ouvir a resposta conveniente e que o silêncio é a melhor resposta nessas ocasiões.

Quanto mais aflitos estamos, mais estarrecedor se torna o fato de suportar o silêncio.
Precisamos aprender a entender o jeito do nosso Pai; o seu modo de tratar, de falar, de olhar...

Nosso Pai nos ensina, até mesmo no seu silêncio.

Haverão momentos em que Ele sutilmente sussurrará respostas aos nossos ouvidos, ou que no seu abraço nos confortará.

Porém há ocasiões em que Ele se cala; e devemos aprender a agradecer até mesmo pelo seu silêncio!

Ele está ao nosso lado. Jamais duvide de Sua presença acolhedora!

Seu silêncio nos ensina a refletir.

Em silêncio Jesus escrevia na areia quando os acusadores de uma mulher adúltera perguntava a Ele sobre o que fazer com ela quando foi pega no próprio ato de adultério.

Seu silêncio impactou aqueles homens. Eles pareciam ter esquecido de analisar suas próprias vidas em detrimento do excessivo cuidado com a vida alheia, com o cumprimento da lei.

O que Deus quer nos dizer quando silencia?

Muitas vezes Ele não nos julga... por que deveríamos julgar os outros?

Com a mesma medida que julgamos o próximo seremos julgados!!! (Mt 7.12)

No nosso caso, o silêncio tem o poder de evitar catástrofes. Isso se olhar pelo prisma de que, aquele que muito fala, muito erra!

Na multidão de palavras não falta pecado, mas o que modera os seus lábios é sábio. (Pv. 10.19)

O Senhor nos convida a aguardamos em silêncio pela Sua salvação, como Jeremias fez: “Bom é ter esperança, e aguardar em silêncio a salvação do SENHOR.” (Lm 3.26)

Nada mais justo do que aguardar, uma vez que confiamos nEle a solução dos nossos pleitos.

Ao contrário, age o tolo: “O tolo multiplica as palavras, porém, o homem não sabe o que será; e quem lhe fará saber o que será depois dele?” (Ec 10.14)

Que possamos aprender com o nosso Deus e com o Seu silêncio a nos portarmos como filhos que entendem a linguagem do Pai, que confiam na Sua forma de agir, ainda que silenciosamente e que ousam em ser iguais a Ele, pois para cada coisa há um tempo certo, até mesmo para calar ou falar!

“Não te precipites com a tua boca, nem o teu coração se apresse a pronunciar palavra alguma diante de Deus; porque Deus está nos céus, e tu estás sobre a terra; assim sejam poucas as tuas palavras.” (Ec. 5.2)

sexta-feira, 21 de novembro de 2008

segunda-feira, 17 de novembro de 2008

O renascimento da Ética


Este artigo foi escrito pela minha amiga Mara, colega de profissão, advogada, pós graduada, escritora, pregoeira da DP, assessora especial da Subdefensoria Pública-Geral.

Porém, mais que isso, minha irmã em Cristo, que canta lindo, que tem uma família abençoada e que é uma mulher de quem me orgulho, segundo o coração de Deus, que alcançou muito nesta vida e continuará alcançando, até conquistar os céus!

Beijos Mara, você é um exemplo.. Lindona!

*********************************

O RENASCIMENTO DA ÉTICA
Site: http://www.diariodecuiaba.com.br/detalhe.php?cod=59399&edicao=10005&anterior=1
Publicado no Diário de Cuiabá em 2001 (republicado esse ano - 2008)

“(...) nunca foi tão necessário, como hoje se mostra, reabilitar a Ética. A crise da humanidade é uma crise moral. Os descaminhos da criatura humana, refletidos na violência, no egoísmo e na indiferença pela sorte do seu semelhante, assentam-se na perda de valores morais. De nada vale reconhecer a dignidade da pessoa, se a conduta pessoal não se pautar por ela.”

Esta colocação de Nalini parece refletir a ânsia de todos nós por um mundo mais humano, menos amoral, mais ético.

Fala-se muito, em nossos dias, em bioética, a qual abrange em seu estudo, a moralidade da conduta humana em todas as ciências da vida. A questão é: será que falar é o bastante? Será que, não estamos mais uma vez, sendo hipócritas, ao proclamarmos a necessidade de um renascimento da ética e da moral, enquanto nosso viver diário busca totalmente o contrário, com condutas antiéticas e imorais?

Muitos poderiam dizer que estamos sendo duros demais em nossa colocação, entretanto, se analisarmos bem a situação atual, e mais ainda, se partirmos da análise pessoal, verificaremos que os valores que nos movem, estão distantes, em muitos aspectos, da realidade ética da qual bradamos a falta.

Se com coragem e sinceridade, buscarmos o auto-conhecimento, e após este, formos capazes de assumir a necessidade de mudança pessoal, e de resgate de valores éticos-morais, que foram sufocados por valores materiais, os quais têm sido o centro de nossa vida, perceberemos o quanto nos tornamos indiferentes e insensíveis.

Essa insensibilidade, nos leva a uma condição coincidente apenas com interesses próprios, o que na verdade nos torna faltos de moral e revestidos de uma moralidade mesquinha e falsa, e que nos tem impedido de conscientização da atual situação de caos em que vivemos, onde há fome, e não apenas fome de alimento físico, mas também fome de justiça, de paz, de atenção, de afeto, em fim, de amor.

A pessoa humana, está clamando pela prática do amor ao próximo, no entanto, na maioria das vezes, quer apenas receber e não se dispõe a dar ou a escutar aos anseios do seu próximo mais próximo. Quer amizade, mas oferece desapego e desinteresse.

O renascimento da ética deve começar dentro de cada um de nós, a partir do exame constante de consciência, como caminho para o desenvolvimento do verdadeiro amor próprio. Pois este amor, será capaz de nos mostrar nossas deficiências, como a intolerância e a falta de humildade que nos impede de considerar o outro como um de nós, capaz de sentir as mesmas emoções e sofrer das mesmas ansiedades que sofremos. Só estaremos aptos a amar o outro, depois de amarmos a nós mesmos, nos valorizando, nos respeitando e reconhecendo nossos limites.

Só assim teremos condições de respeitar o próximo, e seremos levados a considerar as diferenças existentes, as opiniões, mesmo que contrárias à nossa, como possibilidade de aprendizado e crescimento. Pois que, no outro também há o que se valorizar, visto que com suas experiências, de alegrias ou dissabores, poderá nos acrescentar conhecimento e sabedoria .

Através da busca contínua do amor e da fraternidade, nos permitiremos o alcançar da verdadeira ética, pois sem amor o que temos é o vazio que nos assola a todos.

Muitos de nós, temos contribuído para este momento de desespero, quando elencamos os supérfluos como os valores últimos a serem alcançados. Uns, através do conformismo ou da apatia, enquanto que outros através do egoísmo e crueldade.

O fato é que temos permitindo que a miséria atinja a grande massa da humanidade, e fazemos isto sem nos preocuparmos com o futuro de nossos filhos e netos, nem em preservar valores não imediatos, mas de suma importância para seu bem estar como ser humano.

Prova dessa ânsia egoística e ligada aos valores materiais, como supremos, é o que podemos constatar em reportagem recente, sobre a situação do planeta, que é encaminhado lentamente para a morte, pelos seus próprios habitantes. O interesse lucrativo ou financeiro, nos impede de ver, e levar em conta a proporção da destruição que estamos causando. As conseqüências são desastrosas e é apenas o começo como nos diz a reportagem, “O planeta começa a responder com derretimento de geleiras, secas, escassez de água e aquecimento global aos milhares de anos de agressões feitas pelo homem” e não para por aí as agressões à natureza, pois animais nascem com falhas genéticas por causa da ganância de seus criadores, e a reportagem diz ainda, “(...) As técnicas de clonagem mesmo as aparentemente bem sucedidas, estão produzindo aberrações, como filhotes que nascem com células de animais velhos e sofrem de doenças degenerativas ainda bebês.”

O ser humano dotado de inteligência, capaz até de clonar seres viventes, busca o aperfeiçoamento de suas habilidades rumo a melhores posições sociais e o valor dinheiro tem sido muito evidenciado, servindo como referencial para medir o quanto vale o homem, mas, tem se esquecido de que toda a sua inteligência poderia também proporcionar melhores condições de vida em sociedade.

Se buscássemos através de nossas atitudes, o amor ao próximo como fonte do sucesso, não apenas momentâneo, mas que atingisse a nossos semelhantes das gerações futuras, que dependem de nós não apenas em questões de sobrevivência, mas também no que se refere à preservação e perpetuação de valores morais, que venham a proporcionar melhor compreensão pessoal e do próximo, contribuiríamos, ajudando-os na busca da verdadeira fraternidade de uns para com os outros, para que a igualdade e a justiça estejam realmente entre os valores supremos, como nos diz o preâmbulo de nossa Carta Maior, a qual foi promulgada “sob a proteção de Deus” .

Nesta necessidade de estar sob a proteção de Deus, também concorda com Ruy Barbosa, quando nos aconselha na “Oração aos Moços” dizendo: “Por derradeiro, amigos de minha alma, por derradeiro, a ultima, a melhor lição da minha experiência. De quanto no mundo tenho visto, o resumo se abrange nestas cinco palavras – Não há justiça sem Deus”.

Realmente, quando falhamos, em nossa ética e justiça humanas não podemos nos esquecer de que há um Ser Supremo que nos pode auxiliar, possibilitando em nós um aperfeiçoamento, do qual partirá muitas atitudes éticas e morais, das quais dependemos para alcançarmos o próximo em amor.

É preciso vivência da ética e não apenas, que se clame por ela, como se não estivéssemos inseridos no contexto!



* MARIA DAS DORES ARAÚJO E SILVA é acadêmica do 3º ano de Direito da Unirondon.


********************************

quinta-feira, 13 de novembro de 2008

A superação traz alegrias!!!


Vivemos em um mundo em que as pessoas têm se deixado ser vencidas pelos seus temores e pesares.

Elas carregam pesos esmagadores, não têm com quem contar e seus semblantes decaem por ocasião disso.

Deus deseja para nós uma vida de alegrias, de conquistas, de superação e da certeza que nossa vida é cheia de fases e que todas elas podem ser superadas com determinação e a força que só através dEle podemos alcançar.

Temos um Pai que nos ama muito, se interessa em nos ajudar e não deseja que nós queimemos etapas do nosso viver.

Há quem pense: “Se tenho sido honesto, dedicado minha vida a fazer o bem, praticado boas condutas, por que Deus permite que tudo isso me ocorra?

Ora, é necessário entender que, muitas vezes, fazemos perguntas equivocadas.

Primeiro que não possuímos a maturidade suficiente para entender as coisas como realmente elas são; segundo que os nossos questionamentos não devem fundar-se em “por quês” e sim em “para quê”!!

Para que servem os momentos difíceis que enfrentamos? Deus sempre quer nos dizer algo, nos fazer entender e ver da forma certa; algo importante para que possamos crescer, atingindo, progressivamente, a maturidade necessária para superar cada uma das fases que enfrentamos.

Pense: Como uma criança poderia concluir o ensino médio ou superior, se nem mesmo passou pela diplomação do ensino fundamental?

Mas, e aquele que já passou pela diplomação de algum nível superior? Seria simples para ele uma simples tabuada, terror das crianças que cursam os primeiros anos do ensino fundamental?

Somos todos muito diferentes e isso nos faz iguais.

Temos problemas muito complexos quando ainda não foram vencidos por nós!

Mas os problemas que já superamos tornaram-se tão simples...

Na verdade aquelas fases que superamos continuam complexas, isso se olhamos com os olhos dos novos indivíduos que caminham para tais experiências.

E os nossos problemas? Eles não serão tão complexos para aqueles que os venceram!

Agora, pensemos: seria um martírio para nós ter de enfrentar dificuldades para as quais não estamos preparados, simplesmente porque queimamos etapas do nosso viver!

Fugir dos problemas, não é a solução!

Devemos encará-los lembrando sempre que, apesar de aparentemente dolorosos, produzirão em nós crescimento e nos tornarão aptos a estarmos mais perto daquilo que queremos, e mais ainda: mais perto daquilo que Deus quer para nós.

É natural do ser humano, em sua trajetória de crescimento, enfrentar situações problemáticas.

A preocupação das crianças são as provas da escola, ou talvez o fato de terem sujado a roupa nova, quebrado a bicicleta ou destratado uma pessoa mais velha que lhes prometeu procurar seus pais para reclamar das suas más ações.

Quando adultos passamos por outros profissionais, sentimentais, materiais, espirituais... sejam lá quais forem eles.

Não devemos menosprezar as dificuldades alheias.

Desde aquelas que julgamos simples, até aquelas tidas como complexas.

O fato é: dificuldades são dificuldades.

E elas necessitam ser superadas.

Não escondidas, nem esquecidas ou menosprezadas!

De outro lado, como se não bastassem as dificuldades naturais que nos sobrevêm, há escolhas que nos enveredam a sofrimentos que podem ser evitados.

Porém, não é o fim!

Deus nos convida a transpassá-los, também.

Nós podemos... ainda que sejam situações difíceis ao ponto de supormos que vamos sucumbir!

Deus deseja fazer das ocasiões menos propícias as mais adequadas para nos conceder a nossa vitória!

Isso, porque Ele não age como homens e nem pensa como eles!

Por maiores que tenham sido os nossos erros; por pior que seja a situação que estejamos vivendo: CREIA, podemos todas as coisas naquele que nos fortalece!

Ele venceu e através dEle poderemos vencer sempre!

Quando me refiro a vencer sempre, indico que até mesmo nas situações de calamidade e tristeza é produzido em nós frutos inimagináveis.

Quando somos gratos até mesmo nos momentos difíceis, descobrimos o segredo da vitória!

Uma mão nos conduz dia após dia a vitória, e, a cada novo dia redescobrimos que triunfamos sobre o ontem!

O caminho não findou. Pra que querer desistir? Há muito mais a percorrer!

Que possamos aprender a ver as coisas do jeito que realmente importa!

Que possamos aprender a tirar lições maravilhosas de vida até mesmo nos momentos de maior dor!

Se souber ser fiel no pouco, no vale, na dor, na falta... o Senhor te colocará sobre o muito, sobre a montanha...

A alegria é muito mais do que um momento passageiro!

Independente da fase que estejamos vivendo: a alegria é estado da alma/espírito!

Seja alegre!


“O coração alegre aformoseia o rosto” *Provérbios 15.17*

sexta-feira, 7 de novembro de 2008

SemenTeS...

A vida passa... nós também passaremos!

Quem pode mudar isso?

Quantos passaram? Quantos já se foram?

Milhões de milhões!!!

Nós também passaremos.

Mas há algo que não passa. Há algo que é eterno: a palavra do Senhor!

Tudo o que ele falou se cumprirá!

Bom é termos essa certeza. Bom é vivermos para Ele e fazer o bem, ainda que ao nosso redor haja muito mal!

As sementes que plantamos irão brotar.

Talvez nem estejamos mais aqui quando elas germinarem, ou crescerem, ou derem frutos...

Mas elas vingarão em algum momento... por mais que aparentem estar adormecidas!

Como certa vez li em um livro: nascemos em uma floresta; uma floresta onde não plantamos, mas estamos nela e será nossa opção plantar ou arrancar o que foi plantado.
Alguns nascem em florestas destruídas; outros têm o privilégio de nascer em florestas bem preservadas, com raízes profundas.

Mas, não importa em que tipo de floresta você nasceu!

Não importa que tipo de floresta deixaram pra você! Não se deixe levar pela atual situação dela.

Se ela for feia, você pode mudar o seu estado, ainda que pense que é muito pequeno ou está sozinho para fazer todo esse trabalho árduo.

Trate de semear... ainda que seja tão difícil e o sol causticante da vida tente te desmotivar de fazê-lo.

SEMEIE!

Um dia essas sementes irão germinar! O Pai das Luzes se encarregará de fazer chover sobre a sua floresta.

Basta atentarmos para a nossa parte na tarefa e não deixar de fazer aquilo que cabe a nós e nos escondermos em desculpas imaginárias ou até mesmo reais.

Muitos deixam de fazer o que devem e colocam a culpa no outro.

Muitos deixam de plantar e adubar as suas florestas e desculpam-se por esse dever descumprido procurando quaisquer motivos!

NÃO!

Nada pode nos impedir de lutar, de realizar, ainda que tudo diga não... FAÇA o que lhe couber fazer!

Porque não há ninguém que poderá plantar as suas sementes... elas irão florescer e dar fruto na estação certa.

E ainda que não usufruamos do fruto de tudo aquilo que plantarmos, deixaremos algo para nossa posteridade! Seremos uma parte da mudança ou mantença do quadro de nossas florestas!

Se está infeliz na floresta onde se encontra, mude esse histórico!

Você não é obrigado a permanecer nele apenas porque foi colocado nele.

Ninguém escolheu nascer onde nasceu, mas podemos escolher quais atitudes tomar com relação a isso!

E a palavra chave é: SEMEAR!

SEMEAR aquilo que é bom...

SEMEAR aquilo que faz a diferença...

SEMEAR aquilo que realmente importa...

Lembrar que nós não somos simplesmente o que somos aqui (rsrsrs)

Poderemos ser mais... poderemos nos eternizar nas nossas atitudes!

Quantos homens e mulheres fizeram a diferença! Existem muitos que não vivem mais, porém a eternidade lhes dirá em um grande dia o que revolucionou o mundo pelo fato de terem sido o diferencial!


Com o início da celebração do Centenário das Assembléias de Deus no Brasil, esse mês no Grande Templo, Cuiabá/MT, passei a memorar a atitude de fé de Daniel Berg e Gunnar Vingren.

Eivados por bons propósitos, autênticos e cheios do Espírito de Deus, eles deixaram as suas terras e saíram para anunciar coisas boas.

Eles se foram há muitos anos e somente a eternidade lhes dirá sobre o resultado de uma atitude de fé que hoje possui raízes profundas e ajuda milhares de pessoas, trazendo mensagens de esperança: “Jesus Cristo, salva, cura, liberta e em breve voltará” (slogan do Centenário).

Eles iniciaram um trabalho aparentemente pequeno... passaram fases difíceis, pegaram doenças regionais do norte (como malária e outras), conviveram com a saudade de suas terras e famílias, enfrentaram a diferença de clima, língua...

Eles tinham um objetivo: Falar de Jesus!

Eles apostaram e a minha emoção foi ver durante os dias da celebração o Grande Templo mais que lotado (dentro e fora)... Apenas na eternidade Daniel e Gunnar saberão dos resultados daquilo que plantaram com lágrimas, com sorrisos, com horas de dedicação.. mas acima de tudo, com AMOR!


Isso tudo me motiva!

Isso tudo deve nos motivar!

Servir a Deus é muito lindoooo!

Então semeie! Plante... ainda que não entenda o porque e talvez pense que alguém não mereça!

Não olhe para os lados... SEMEIE as boas sementes!

A tudo e a todos!

Muito voltará para você... muito voltará para a sua posteridade...

E um dia, lá na frente, os seus descendentes se perguntarão:

“Quem planou essas sementes, Senhor?”

E a eternidades lhes responderá que, com a ajuda de Deus, você as plantou e que, pela Sua misericórdia, chegou o tempo da benção na floresta que sempre será sua! (independente se você já foi ou ainda permanece nela).


**************************

quinta-feira, 30 de outubro de 2008

O findar do ano chega... (reFLeXãoOo)


Brummm... RS

Que susto! O ano passou muito rápido!

O ano está praticamente findo!

O tempo passa e com ele voamos.

Vai chegando o momento de memorar...

Somar os projetos realizados, a concretização do que sonhamos para 2008;

Subtrair daquilo que ficou no papel, dos planos ainda em execução ou daqueles que nem deu pra iniciar neste ano!

Esse ano para mim foi de muitas bênçãos, graças a Deus! Mas também foram de lutas tenebrosas, de experiências assombrosas e maravilhosas no âmbito espiritual.

Conheci mais de Deus, mais de mim...

Aprendi a lidar comigo mesma, com meus valores, com meus limites!

Perdi algumas coisas, ganhei outras importantes!

Fui restituída na vida familiar, sentimental e física.

Conheci pessoas importantes, tirei férias. Fiz viagens inesperadas e reencontrei pessoas queridas!

Trabalhei demais, mas aprendi mais que o dobro.

Recebi muita capacitação profissional, ganhei cursos, paguei e concluí uma pós-graduação; em seguida iniciei cursinho pra concurso, mas tive de parar... estava exausta mentalmente.

Efetivei minha habilitação;

Ganhei almas pro Senhor, me dediquei na Sua obra.

Entrei em batalhas profundas contra o mal, mas não sucumbi e não temi em momento algum, porque Deus sempre esteve e estará comigo!

Como é bom essa certeza!

Vi canções minhas serem lançadas em alguns CD’s; Compus pro Senhor, gravei louvores.

Participei da abertura de grandes shows adorando; recebi convites pra louvar o nome de Deus!

Vi amigos casarem e pessoas amadas terem filhos.

Mais um ano passou.

E mais uma vez digo que meu Deus foi fiel. E eu o louvo, porque mesmo na minha fragilidade e pouca força consegui me manter fiel a Ele, guardei Sua palavra e não neguei o Seu nome.

Não sou perfeita, mas o Seu poder se aperfeiçoa na minha fraqueza;

Porque quando estou fraco aí é que sou forte, pois Ele é grande em mim!

Pretendo tanto..., mas tenho tudo que preciso!

Preciso de muitas outras coisas, mas o Senhor sabe o que preciso hoje e está cuidando do meu amanhã.

...E nesse ano reafirmei as minhas expectativas em Deus, a certeza das coisas vindouras, das promessas dEle que não sucumbem jamais.

Abaixo, trechos de poesias melodiosas que fruíram do Seu Trono e que alimentaram e continuam alimentando a minha alma diuturnamente... isso me faz mais que vencedora através daquele que me amou primeiro:


“Em mim não há glória alguma,
minha glória está em pertencer a Ti,
Pois Tu és toda minha fortuna,
riqueza sabedoria, o meu porvir...”

“Vem lavar-me com Seu sangue
quando o dia amanhecer,
... quando o sol se esconder;
Quero viver uma vida mais pura
a cada dia em Ti, ó Senhor,
vem lavar-me;
Pois quando me lavas
restauras as forças que me fazem prosseguir.
As capas e cargas, arrastas para bem longe de mim
E alívio eu sinto e sigo em Sua direção, feliz!!!”


“Quando se vive fases difíceis
pergunta-se a dor: Qual teu propósito?
Faz-se preciso crer-se em Cristo.
Respostas nEle há pra dúvidas sanar
Ele sabe o porquê, o motivo,
a razão dos problemas, dos conflitos que assolam o coração.
Não se pode temer
pois conosco estará.
Seus propósitos de vida são de bem
Ó, não duvide jamais!!!”

“A alegria não está
no fato de ser renomado;
Quem dera toda riqueza comprar
um irmão para o solitário!
E se a beleza pudesse trazer
um amor importante pro coração que já cansou de sofrer...”


“A vida é assim,
às vezes o sol se vai
mas é preciso crer que ele está lá
para brilhar.
A vida é assim,
nem sempre Deus faz
aquilo que a gente pensa ser o melhor.
Seus caminhos são altos,
são de Paz!”

“A promessa irá nascer,
o que Deus disse vai acontecer.
A promessa não morrerá
ainda que seja dolorosa a sua chegada;
Como dores de parto,
como a mãe que em seu quarto
aguarda ansiosa a chegada do filho
Mesmo em dor cruciante
que se cessa no instante
que tem no seu colo seu lindo menino!”


“Ouça filho estou a porta...
a porta do seu coração estou a bater.
E se porventura a minha voz ouvir e abrires a porta
Eu adentrarei em tua vida e farei dela nova!”


***************************************

sexta-feira, 19 de setembro de 2008

Parar, jamais!!!


"Sede fortes, não temais..." (Is 35.4b)

O Senhor nos convida a prosseguir!!!

Ele não deseja que vivamos prostrados à margem do caminho.
Não há tempo para descansar...
Parar agora é retardar a vitória!

Ela está mais próxima de nós do que imaginamos.
Pode ser na próxima esquina da vida,
Ou talvez na atravessia do rio.. quem sabe após ele?

Talvez do outro lado da montanha...
Ou quem sabe em cima dela?

Pode ser que esteja no amanhecer, pois o tempo também não pára.
Por isso não devemos parar!

Deus faz com que tudo prossiga nessa finalidade: nos abençoar!
O mundo não parou!
Por que deveríamos nós parar?

Somos dotados do poder de ação! O Senhor nos fez assim!
Reagir é a solução.
Sentir-se desmotivado, desanimado e parar não trará novo ânimo.

Os nossos ânimos são revigorados na medida em que levantamos e começamos a fazer algo!

Quem já viu um celular recarregar sozinho?
Nós reconhecemos que a sua bateria descarregou e que necessita ser recarregada!
Então, vamos e ligamos na energia o carregador.
Assim também como acontece com um automóvel que sem o combustível não pode circular!

Deus espera que nós reconheçamos a nossa posição de carentes, de cansados...
Ele sempre está no mesmo lugar e, por mais longe que tenhamos andado, Ele nos convida a revigorarmos as nossas forças nos Seus braços!

Deus não nos quer parados!
Ele não trará nas nossas mãos aquilo que Ele mesmo já fez!
É claro que tem poder para colocar nas nossas mãos as vitórias que necessitamos!!!
Mas, Ele nos quer agindo... caminhando... e não esperando tudo cair do céu!

Ele distribuiu pelo nosso caminho surpresas lindas!!!
É preciso caminhar atento e não deixar passar as oportunidades e as bençãos!

Assim como aqueles joguinhos que as crianças costumam brincar: saltam os empecilhos, desviam dos inimigos e dos seus dardos destrutivos e fazem o possível para capturar tudo aquilo que soma e ajuda a vencer com saldo positivo!

Caminhemos...
Sigamos adiante!
Estejamos eivados de bons propósitos!
Deus, através do tempo, das estações, das ocasiões, etc, se encarrega de fazer acontecer...
Afinal, tudo está preparado.
Tudo já foi escrito!

Depende de caminharmos...
Não mudar a rota, não desviar o foco, não andar distraídos e nem parar!

PARAR, JAMAIS!!!


"E o mundo passa, e a sua concupiscência; mas aquele que faz a vontade de Deus permanece para sempre!" (1ºJo 2.11)

terça-feira, 9 de setembro de 2008

Nossas Escolhas...


As escolhas que fazemos hoje refletirão por toda a nossa vida!
Mais que isso, reflete em todos os aspéctos de nossas vidas.

Uma escolha mal feita implica em prejuízos para a vida material, secular, familiar, sentimental, em quaisquer âmbitos ela seja tomada!

Por isso, faz-se necessário analisar e orar antes de precipitar-se em alguma decisão e não seguir orientado apenas pelos olhos.

Muitas vezes as aparências enganam e daí sofremos com a conclusão de nossas histórias.

Referente a isso, vemos na história que Deus chamou a Abraão para partir de sua terra, indo em rumo a um lugar que Ele lhe daria.
Deus o escolhera e através dEle realizou grandes feitos e milagres.
O nosso patriarca obedeceu à voz de Deus e sua fé nos é testemunhada até os dias de hoje.

Mas Abraão não partiu só.
Ele levou consigo seu sobrinho Ló.

Como sabido, naqueles tempos não existiam transportes de mudança e tudo tinha de ser feito com muita calma e se levava muitos dias até que uma mudança fosse concluída.

Aquele tio (Abraão) e seu sobrinho (Ló) possuíam muitos bens, muito gado e por aí vai.
Após arrumarem todas as suas coisas, saíram na direção da terra que o Senhor lhes daria.

Porém, no meio do caminho, um desentendimento entre os empregados de Abraão com os de Ló, coloca em risco a paz entre aquele tio e seu sobrinho.

A fim de não dar azo a problemas posteriores, o tio propõe a Ló que eles sigam rumos diversos, propondo:

"Ora, não haja contenda entre mim e ti, e entre os meus pastores e os teus pastores, porque somos irmãos." (Gn. 13.8)

Ló, ao olhar as campinas verdes do Jordão decide partir para o oriente, apartando-se de Abraão que foi para as localidades de Canaã.
Ló armou suas tendas até a região de Sodoma e não poderia supor o caos que vivia aquela região por conta da perversão do seu povo.

Ló atentou apenas para aquilo que lhe era aparente!
Mais do que isso... sua família parecia atentar para o mesmo, tanto é que no ato em que Deus o livra da destruição de Sodoma e Gomorra, sua esposa torna-se estátua de sal pelo fato de ter descumprido a ordem dos anjos que os resgatavam, de não olhar para trás.

Ela estava apegada às suas coisas... ela olhou para trás e perdeu tudo o que tinha na destruição de Sodoma, inclusive a sua própria vida.

Por uma decisão, vidas podem ser destruídas...
A família de Ló perdeu um membro...
Os bens deles foram queimados na destruição daquelas cidades que se localizavam na região das capinas tão maravilhosas...

Imaginem a situação de uma pessoa que pratica uma péssima escolha?... uma escolha fixada apenas nas aparências...

Nem tudo o que parece é, por isso devemos contar com Deus nas nossas decisões, pois Ele sim sabe o que é melhor para nós!

Não nos precipitemos.
Esperar no Senhor é o melhor!

Ele preserva os nossos caminhos, sentimentos, futuro... e a nossa VIDA, para que a nossa existência seja motivo de Seu louvor!


"Entrega o teu caminho ao SENHOR; confia nele, e ele o fará." (Salmo 37.5)

segunda-feira, 8 de setembro de 2008

E viva a vida!!!




Deus sempre nos surpreende!
Ele sempre nos visita.
Bom é estarmos atentos ao tempo da Sua visitação e não deixar passar a oportunidade de recebermos dEle o que mais anseia o nosso coração.
Ele deseja transformar o nosso pranto em alegria...
Ele deseja ressuscitar os nossos sonhos e nos fazer viver de novo!
Ele deseja transformar a nossa morte na Sua vida, pois foi Ele mesmo quem morreu para que pudéssemos ter vida e vida em abundância!

Assim aconteceu com uma mulher, cuja história nos conta as sagradas escrituras.

Ela era uma viúva.
Uma mulher que amargamente chorava... não pelo fato de ter perdido o marido e ser viúva, mas porque, agora, rumava novamente o mesmo trajeto para sepultar seu filho: o seu único filho.

Aquela mulher estava desesperançada!
Caminhava para sepultar a sua esperança... todos os sonhos que sonhou para seu filho!
Ó sim! Talvez ela desejasse ver o moço se tornar alguém importante, ter uma profissão, constituir uma família e lhe dar netos para que a descendência deles se perpetuasse...

Mas não... eis ali, dentro daquele caixão o seu filho e junto com ele todos os sonhos daquela mãe que nada mais tinha: nem o marido, nem o filho!
Quão triste a situação daquele viúva!
Quem poderia consolá-la?
ela estava rodeada de pessoas, mas sentia-se imensamente só!
Nada poderia ajudá-la.
Naquela multidão que acompanhava o cortejo não havia ninguém que pudesse reverter o seu pranto em riso... ela ia prateando juntamente com a multidão da morte!

Mas, justamente naquele dia, Jesus de Nazaré passava pela cidade de Naim...

Enquanto a multidão da morte saía da cidade para sepultar o jovem morto, adentrava a cidade a multidão da vida... e com eles a própria vida: Jesus!

Ao ver aquela cena triste, Jesus reconheceu a mãe do jovem e diz a bíblia que a alma de Cristo se compadeceu da dor daquela mulher.
Ele sentiu em si mesmo a dor da viúva e Ele sim poderia fazer algo por ela; e Ele fez!

Aproximando-se da mulher, disse-lhe: não chores!

Aleluiaaa! O Senhor nos diz isso sempre!
Quem será que pode ouvir?
A multidão da morte, do sofrimento, da dor, do desemprego, da desilusão e outras nos atormentam tantas vezes... mas aquela mulher parou e ouviu Deus falando-lhe: não chores!

Tocando no esquife, o jovem tornou a viver e começou a falar!

As pessoas surpreenderam-se com aquela cena: o improvável, o impossível agora era realidade!
Ninguém jamais poderia supor que aquilo aconteceria.. mas aconteceu!
A vida esmagou a morte e reinou!

As pessoas glorificavam a Deus e alegres celebravam: DEUS VISITOU O SEU POVO!

Deus quer nos visitar.
Não tampe os ouvidos à sua voz!
Não retire-se...
Não dê as costas!

Ele quer fazer muito mais do que supomos...
Ele quer realizar o impossível!
Basta apenas ter fé e permitir que a vida brilhe!

Jesus é a vida que precisamos a cada dia, para confundir as nossas multidões de dor e desesperanças!


"Disse-lhe Jesus: Eu sou a ressurreição e a vida; quem crê em mim, ainda que esteja morto, viverá;" (Jo 11.25)

domingo, 7 de setembro de 2008

Nossa parte no milagre Divino


Deus espera algo de nós!
Ele já fez muito... e ainda faz!

Cumpriu Sua missão quando esteve aqui e continua a nos consolar através do Seu Santo Espírito.
Porém, há mais, muito mais a ser feito, através de nós, sendo Ele mesmo em nossas vidas!

Há muitas ocasiões que o segredo não é apenas entregar a Deus, mas também agir!
Deus fará por nós aquilo que é impossível ao nosso alcance...
E Ele deseja que façamos aquilo que nos convém fazer!

Ele esteve aqui e nos ensionou muitas lições.
Mas, nós, simplesmente, preferimos continuar confiando nEle aquilo que Ele mesmo fez questão de discipular-nos.

Como discípulos, não nos cabe apenas remeter a Ele os dilemas e dissabores, sejam nossos, sejam dos nossos irmãos, amigos ou quer quem seja e fazer de conta que não temos nada a ver com o assunto.

Há quem pense: entreguei a Deus e Ele o fará por mim!

Sim, há coisas que só Deus pode fazer, mas há outras que Ele espera nossa ação!

Quando Jesus propôs aos seus discípulos ausentarem-se da multidão que os cercava e irem descansar em um local afastado, não conseguiram, dado o fato daquele povo acompanhá-los até o local escolhido por Jesus.

Aquelas pessoas percebendo a ação de Cristo o seguiu, de forma que, qqando Jesus chegou lá, surpreendentemente o povo já estava a sua espera.
A fama de Cristo havia se espalhado.
O povo queria muito estar onde Ele estava.
Aquela gente tinha sede e fome das coisas celestiais.
O que fazer? Seus discípulos pediam que despedisse o povo.
Mas o capítulo 6 de Marcos registra que Jesus teve COMPAIXÃO deles e não o pôde fazer!

Ocorre que, passado o dia, antes de anoitecer, os discípulos de Jesus o intimaram e disseram-lhe para que despedisse toda aquela gente, pois logo seria noite e não havia como acomodar aquela gente e nem mesmo como alimentá-la naquela região que era deserta.

Jesus ficou estupefato com aquela ação e falou-lhes: De vós de comer ao povo!

Oras, mas como alimentar toda aquela multidão?
Parecia tarefa para o Messias, tão mais acostumado a celebrar milagres.
Mas Jesus queria ensinar os seus discípulos... ainda assim eles pareciam não querer aprender.
Era tão mais fácil jogar a responsabilidade para Jesus... afinal, o povo estava ali por sua causa.

O tempo passava e como despedir aquele povo com fome após ouvir as palavras de Cristo, que ensinava sempre assentado no barco?
Quem poderia alimentar toda aquela gente? Registra a Bíblia que eram quase 5.000, sendo que não eram computados mulheres e crianças.

Ninguém tinha nada...
Ops.. eu disse ninguém?
Havia sim alguém que tinha algo...
Era um menino!
Ele possuia em sua bolsa o necessário para alimentar a si.

Precavido, o menino saiu de casa com um alimento provisional para não passar fome.
Ele poderia ter escondido o seu lanchinho, afinal de contas, o que era 5 pães e 2 peizes para uma grande multidão? NADA!

NADA sem Jesus!
Com Jesus aquilo era o suficiente.

Confiante de que não seria decepcionado (o menino devia acompanhar a trajetória de Cristo e saber que Ele é um Deus de milagres), aquele mocinho entrega seu lanche aos discípulos que, por sua vez levam a Cristo.

A medida em que Cristo partia os pães e os peixes, estes iam sendo multiplicados, de forma que encheram 12 cestos que foi capaz de FARTAR toda aquela multidão. Não foi apenas alimentar e sim FARTAR!

Então Jesus ora e entrega ao Seu Pai aqueles pães e peixes partidos que foram multiplicados!

Aleluia!

Deus nos discipula.
Ele espera que nós tenhamos algo para fazer o milagre!
Ele espera que sejamos abnegados e despreendidos de nós mesmos e daquilo que possímos para realizar o milagre não apenas nas nossas vidas, mas também na daqueles que estão ao nosso redor!

O que temos nós?
Sigamos os passos de nosso Mestre e sejamos abençoadores compadecidos das vidas, que não despede sem fartar e que não negligencia a necessidade alheia em prol do próprio querer!

Que possamos entregar o nosso pouco a Deus para que o milagre seja uma realidade nas nossas vidas e sejamos superabundantes dEle em nós.

Texto: Marcos 6

quarta-feira, 30 de julho de 2008

A corrida da vida

Deus age como quer...

Ele faz sempre algo novo e surpreendente.

Ele nos procura para refazer os nossos sonhos e alegra-se com a concretização de Seus ideiais em nossas vidas.

E é assim que Ele faz....

Ele entra até onde damos espaço para Ele e quer trabalhar no nosso viver de forma a abençoar não apenas toda nossa história, mas também a daqueles que nos cercam.

De rependente, tudo pode mudar.

A vida corre velozmente e se não soubermos aproveitar as oportunidades que Ele nos dá, podemos perder a chance de sermos muito mais felizes ainda!

Deus age rapidamente e seus propósitos não podem ser impedidos ou frustrados.

Há quem não entende essa verdade e às vezes, no momento de luta, murmura sem entender que as passadas apertam unicamente com o intuito de nos levar mais rápido a vitória.

Ás vezes é preciso correr.... correr muito...

Nosso descanso não é aqui... precisamos aprender essa verdade.

Há pessoas que desistem de tudo e se queixam do cansaço. Deixam de caminhar e param a margem do caminho, sendo que de lá muitos não voltam a caminhar.

Não podemos parar. O Senhor nos diz: 'Vamos, avante, avante... não pare! Beba de mim, sou a água que sacia a sua sede e o pão que te dá forças para não desistir! Não pare filho meu!'

E de repente, quando parece que não iremos conseguir mais, uma força maior que a nossa desponta... a chama da revitalidade é reascendida e vamos além!

Estamos em uma corrida... Nossa casa está sendo preparada...
A festa que nos aguarda também...
Não podemos parar pois assim retardamos tudo que bom que está por vir!

Querm deseja se prostrar a essa altura do campeonato?
Temos de terminar a corrida...
Deus se encarrega das premiações, da festa, do banquete...
Ele nos coroará...

Não precisamos nos preocupar com a recepção, com a coroa de flores, com as roupas da festa... Ele já preparou todas as coisas!

Tratemos de correr...
Corramos com alegria...
Corramos com vitalidade e euforia...
Corramos sabendo o que nos aguarda!

O que nos aguarda é tremendo.
E lá, depois da corrida, milhares de pessoas contemplarão e juntamente contigo se regozijarão!

A vitória é linda!
A vitória é tudo de mais maravilhoso que possa existir!

Os olhos não viram, os ouvidos não ouviram... Deus sempre nos surpreende...
E Ele tem pressa.

Tudo já está sendo preparado... estamos nos momentos finais...

Corra... corra em direção da fita e ultrapasse-a de braços erguidos!

Nossa vitória é Jesus Cristo!

quarta-feira, 9 de julho de 2008

Ter a Deus!


Buscar ao Senhor enquanto se pode achar....
Invocá-lo enquanto está perto!!!

Deus está olhando a cada um de nós.
Nossos intentos, nossos propósitos.
Nossos sonhos, projetos e desejos!

Mais do que alcançar propósitos materiais...
Ele olha nossos anseios espirituais...
Noosos anseios por mais daquilo que vem dEle e não apenas nossos desjos pelo que há aqui!

Quantos de nós temos, nos últimos tempos, nos preocupado com isso?
O mundo nos carrega...
Nossas perspectivas vão com ele e quando nos damos por nós estamos entenebrecidos na materialidade de um mundo que perdeu a visão espiritual das coisas!

Deus quer mais de nós!
Ele nos quer para Ele!
Ele deseja os nossos desejos...
Ele nos atrai e nos convida a descansar no Seu amor!

Porém a maioria das pessoas estão adormecidas nas ambições terrenas...

Pensam nas altas posições e por isso lutam e se matam!
Como se não soubessem que tudo isso se adquire aqui e por aqui cessará!


Não há nada que se compare ao prazer de penetrar mais fundo daquilo que é eterno...
Não importa em que lugar estejamos... não importa quem somos...
Nada se compara ao prazer de estar na presença daquele que é o Senhor dos Senhores, o rei dos Reis!

Ele, mesmo sendo dono de toda glória, se despiu dela quando tomou a forma humana e veio nos ensinar que, mesmo estando nesta terra, é possível viver uma vida materialmente simples, porém espiritualmente, rica!!!

Deus nos convida a irmos ao Seu palácio...
Ele é rico, mas soube conviver com a pobreza.
E nós?
Será que nos conformaríamos com quaisquer das posições que Ele nos coloque?
Se bem ou mal; se ricos ou pobres...
Qual nossa reação?
Qual nosso grau de confiança, comprometimento e espiritualidade para nos adequamos, com alegria, em cada uma delas?

Que não nos importe em que lugar da mesa Ele nos faça sentar!
Que não nos importe ganhar ou não uma coroa...
Que não nos importe os porquês...

Que nos basta vê-lo e estar com Ele...
Que nos basta tê-lo...
Que nos baste o Seu amor!!!!
Que nos basta a Sua vida!!!

Quando temos a Deus, temos tudo que precisamos!!!
Quando Ele está conosco, descobrimos que todas as nossas eternas buscas pela felicidade, findam-se... Ele é a FELICIDADE!!!

Tudo na vida, que acrescente, é bomm!!
Alcançar é primorozo... conquistar nos realiza!!!

Mas, de todas as nossas realizações... a maior será, para sempre, TÊ-LO EM NÓS!

Se O tivermos, teremos TUDO para conquistas as demais coisas!!!

segunda-feira, 16 de junho de 2008

O valor da OBEDIÊNCIA

O Senhor deseja fazer algo por nós! Ele está sempre disposto a isso...

Mas, e nós? Quais nossas atitudes com respeito a isso? Temos atendido ao Seu querer?? Temos sido filhos obedientes e desejosos pelo cumprimento das surpresas divinas?

A obediência faz toda a diferença!!!
A obediência demonstra o nosso amor para com Ele.
Quando somos obedientes, abrimos mão do que achamos para dizer: "Senhor, eu sei que Tu tens o melhor... faça conforme a tua vontade, pois confio nos Teus planos que são maiores e melhores que os meus!"

Um história de obediência muito interessante, é aquela ilustrada no livro de Lucas, capítulo 05.

Alguns discípulos tinham por profissão a pesca e disso dependiam para alimentar suas famílias. Eles conheciam do assunto, há tempos desempenhavam a profissão... mas, houve um dia que as coisas aconteceram pior do que podiam imaginar!

Tudo bem que, por vezes, a pesca poderia não ser lá essas coisas... no entanto, a bíblia não registra outro momento em que tudo houvesse dado errado.

Naquela noite, aparentemente, tudo deu errado!

Eles passaram a madrugada toda a espera de peixes e, como se nada houvesse dentro das águas, nenhum apareceu!

Eles, entendidos de pesca, rondaram as regiões que amparavam os grandes cardumes... no entanto, onde estavam eles?

O dia amanheceu...
E lá estavam os pescadores...
desorientados, desolados, desanimados, frustrados!

É assim que ficamos quando tudo parece dar errado!!!

E Jesus passava pelas redondezas... e a multidão o acercava.
Quando mira ao longe, vê, junto à praia de Genesaré, os pescadores, lavando as suas redes.

Cristo se aproximou, entrou em um dos barcos e em cima dele pregava à multidão que desejosa o ouvia falar.

Após edificar as pessoas com suas palavras, ordena a Simão:

"Faze-te ao mar alto, e lançai as vossas redes para pescar." (Lucas 5.4)

Simão, ainda indignado com a madrugada infrutífera, responde:

"Mestre, havendo trabalhado toda a noite, nada apanhamos!!"


Porém, houve algo diferente.
POr mais que Simão se achasse entendido no assunto,
Por mais que ele tivesse estado a noite toda a espera de algum,
Por mais que ele entendesse que o local adequado para lançar a rede não fosse o determinado por Jesus,
Por mais que estivesse cansado daquela noite,
Por mais que não quisesse se expor mais uma vez à frustração...

Ele confiou!!!
Ele OBEDECEU a voz de Cristo e disse:

"... mas, sobre a tua palavra, lançarei a rede." (Lc 5.5)

Aleluiaaaa!!!


Qual o resultado dessa atitude de fé e obediência?

A VITÓRIA!!

Simão sabia que o lugar onde Cristo ordenou que a rede fosse lançada não era por costume possuir peixes.
Não era o normal, não era o comum.
Ele poderia pensar que mil e uma coisas.
Ele poderia arranjar mil e uma desculpas...

Mas ele OBEDECEU!!!

E a bíblia relata o milagre:

"E , o fazendo assim, colheram uma grande quantidade de peixes, e rompia-se-lhes a rede; E fizeram sinal aos companheiros que estavam no outro barco, para que os fossem ajudar. E foram, e encheram ambos os barcos, de maneira tal que quase iam a pique." (Lc 5.6e7)

A benção do Senhor quer alcançar muito mais que nós mesmos!
Ele quer alcançar sua família, seus amigos, seu ambiente de trabalho, estudos, igreja, seu ciclo social... independente de onde estejas inseridooo!!

A benção do Senhor quer alcançar até os seus inimigos...

Sabe para que? Para que através da nossa obediência as pessoas vejam o quanto Deus é grande e trabalha através de surpresas que alcançam apenas aqueles que se dispõem a pagar pra ver!

Simão viu! Eu também quero ver... e vc?

Ao ver o milagre, o discípulo pede a Deus que dele se ausente, vez que é um pecador e não merece tamanha bondade... mas, o Senhor, lhe diz que fará dele pescador de homens! (Lc 5.10)

Busquemos a orientação de Deus para as situações delicadas e conflitantes de nosso viver!

E o que Ele nos mandar fazer, estejamos dispostos a faze-lo!!!
Ele tem o melhor. Ele sabe o futuro!

O Senhor sabe onde encontram-se escondidas as surpresas que ns traz alegria ao coração! Por que não confiar?

Se Ele ordenar, sejamos OBEDIENTES!
Ele realiza o milagre e nos honra como filhos que se colocam no centro da Sua vontade.

Lance as redes que possuis!
Faça o que Deus disse!
Ainda que a mente duvide... obedeça!
E assim, maravilhado, descobrirás as surpresas que a o milagre te reserva!!!

Abraços amigos!!!

terça-feira, 3 de junho de 2008

Ele É!!!


"Não temas, porque eu sou contigo; não te assombres, porque eu sou teu Deus; eu te fortaleço, e te ajudo, e te sustento com a destra da minha justiça." (Is 41.10)

Ele é!!!

Não somente está... mas, é conosco!
Ele prometeu SER... Ele é o grande EU SOU!

O que devemos temer?
A quem devemos temer?
Serão as nossas tribulações que nos farão deixar de crer?

A tribulação, ou a angústia, ou a perseguição, ou a fome, ou a nudez, ou o perigo, ou a espada?

Nããããããoooooooooo!!!!!!!!

\o/

"Porque estou certo de que, nem a morte, nem a vida, nem os anjos, nem os principados, nem as potestades, nem o presente, nem o porvir, nem a altura, nem a profundidade, nem alguma outra criatura nos poderá separar do amor de Deus, que está em Cristo Jesus nosso Senhor." (Rm 8.35a39)

Ele não está, simplesmente!
Ele É... E será eternamente!

Confie naquilo que Ele é:

FIEL, VERDADEIRO, PODEROSO, MARAVILHOSO, JUSTO,
GRANDE, VITORIOSO, SALVADOR, ETERNO, GLORIOSO,
...

Todas as qualidades levantadas, seríam ínfimas para descrevê-lo!
Por que não confiar?

Ele É...
Jamais se esqueça dessa VERDADE!

quinta-feira, 15 de maio de 2008

Vida corrida... hehehehe!!!

Nossa, há quanto tempo não posto mensagens aqui, não é mesmo?
Saudades de tudo isso, mas a vida está tão corrida, hehe... glórias a Deus por isso!!!

Tenho estado muito feliz por tudo que Jesus tem feito.
As lutas se avolumam, mas nada que retire o brilho de tudo o que Ele tem feito na minha vida... e eu só sei de uma coisa coisa: EU SOU MUITO FELIZ!!!

Feliz porque tenho motivos mais que de sobra para isso!
Feliz pela certeza de que quem peleja por mim é poderoso e que tudo está em Suas mãos.
Feliz pela garantia das promessas, pois aquele que disse é fiel para cumprir!!!

Aleluia!!!

Como é bom desfrutar dessa certeza, dessa confiança...
Isso nos motiva, nos eleva, nos inspira a alma, nos renova!

Amo o Senhor!!!

Pelas Suas misericórdias que se renovam a cada manhã...
Sobreviverei!!!

Ele é fiel e isso me faz tããããããão FELIIIIIIIIZZZZZZZZ!!!

Abração pessoas... continuem lutando e acreditando nessa fidelidade!!

sábado, 3 de maio de 2008

Não temas!!!


Devemos permenecer firmes na presença do nosso Deus.

Nossa vitória é certa e muito em breve veremos a glória dEle se manifestar mais que super abundantemente em nossas vidas!

Temos sindo abençoados até aqui... imagine, então, tudo aquilo que o Senhor preparou? São bençãos excelentes porque o nosso Deus dá o melhor para aqueles filhos que lhes são queridos!!!

Somos de Deus e Ele é aquele que luta por nós!!!

Não devemos temer nada! Não devemos temer as afrontas do inimigo. Temos um advogado em Jesus Cristo. Ele toma as nossas causas.

Memoremos, nesses poucos instantes, a história do Rei Ezequias, que chorou às afrontas de Senaqueribe, rei da Assíria.

Ele entrou no templo de Deus rasgando suas vestes reais e se vestindo de panos de saco... Deus o consolou quando usou a boca de Isaías para afirmar que as afrontas que recebeu não eram contra ele (Ezequias) mas contra o próprio Deus! (Isaias 37)

"Assim diz o SENHOR: Não temas à vista das palavras que ouviste, com as quais os servos do rei da Assíria me blasfemaram.
Eis que porei nele um espírito, e ele ouvirá um rumor, e voltará para a sua terra; e fá-lo-ei cair morto à espada na sua terra." (versos 6 e 7)

E o rei Ezequias ainda recebeu cartas da parte de Senaqueribe, onde as afrontas continuavam... eram pesadas, mas Ezequias apresentou tds ao Senhor e lhe pediu para que livrasse Seu povo para q tds vissem e soubessem que só o Senhor é Deus... e Deus falou ainda mais a Ezequias:

"Portanto, assim diz o SENHOR acerca do rei da Assíria: Não entrará nesta cidade, nem lançará nela flecha alguma; tampouco virá perante ela com escudo, ou levantará trincheira contra ela.
Pelo caminho por onde vier, por esse voltará; porém nesta cidade não entrará, diz o SENHOR
Porque eu ampararei esta cidade, para livrá-la, por amor de mim e por amor do meu servo Davi." (versos 33 a 35)

Às vezes não entendemos o porquê das situações... mas precisamos crer que a palavra de Deus nunca volta vazia, antes faz aquilo que apraz a Ele! Ele quer lhe enconrajar neste momento!!!

Nossa vida é valiosa...a vida daqueles que nos são queridos, também!!! E Deus, por amor de nós, fará coisas surpreendentes na vida daqueles que nos rodeiam.

E, ainda na história de Senaqueribe, o verso 3 de Isaias 37 fala mto, vejamos:

"E disseram-lhe: Assim diz Ezequias: Este dia é dia de angústia, e de vitupério, e de blasfêmias; porque chegados são os filhos ao parto, e força não há para dá-los à luz."

Todas as promessas de Deus serão realidade nas nossas vidas. Antes, porém, precisamos passar por transformações e situações que vêm justamente para nos tornar aptos para receber tais bençãos.

Olha, me digam qual a mãe que em condições naturais teve o filho sem dor?

Assim como Ezequias, antes de receber a vitoria do livramento do Senhor, ele passou por blasfêmias, angustias terriveis... e nós não estamos isentos de passar por isso.

Mas a nossa vitória está no braço forte do Senhor... se não há força para dar à luz às promessas... o Senhor as fará nascer! Creiamos nessa palavra.

E mais uma vez veremos que foi Deus e não nós mesmos, pelo que pensamos ou fazemos.

O Senhor já fez todas as coisas... cumpramos a Sua rota..

Sigamos seu caminho e Ele se incumbirá daquilo que é impossível aos olhos humanos.

Somos de Deus... Ele cuida de nós... não há nada que posssa fazer mudar essa verdade!!!!

Entrgue ao Senhor as afrontas. Não aja no ímpeto de suas emoções.
O Senhor é aquele que faz juízo e Justiça e não há nada nem ninguém que possa escapar de Suas mãos!!!

Entrega teu caminho ao Senhor, confia nEle e o mais Ele fará!!!


*********************

Palavra dedicada ao meu amigo distante Juh, com adaptações (em 24/04/2008)

terça-feira, 15 de abril de 2008

O que você tem?


O que temos?

Me diga o que é propriamente nosso?

O que somos pra pensar que temos ou podemos?

Somos completamente frágeis.

Basta o ar faltar!

Basta uma circustância superveniente ocorrer!

E então me digam: o que somos nós?

Somos pó... somos barro... somos cinza!

"E formou o SENHOR Deus o homem do pó da terra, e soprou em suas narinas o fôlego da vida; e o homem foi feito alma vivente." (Gn 2.7)

Mas ainda assim, Ele preferiu viver em nós... fazer em nós a sua morada!

Que Deus é esse que atenta do céu para o ser humano e da a propria vida por ele?

Foi Ele, Ele mesmo, esse Deus poderoso, capaz de formar um ser vivente do pó da terra e colocar em suas narinas o fôlego de vida; aquele que nos dá capacidade para viver, pensar, sonhar, idealizar e alcançar os sonhos. Ele nos propicia isso!

Quando Davi foi afrontado (seu povo era oprimido pelos filisteus), ele não temeu!

Ele sabia em quem cria!

Não precisou de armas, roupas especiais ou grandes estratégias para derrotar um inimigo!

"Davi, porém, disse ao filisteu: Tu vens a mim com espada, e com lança, e com escudo; porém eu venho a ti em nome do SENHOR dos Exércitos, o Deus dos exércitos de Israel, a quem tens afrontado. " (1 Sm 17.45)

Sua inteligência, força, fé, palavra, escudo... afinal, tudo que precisava pra vencer era e estava no Senhor!

Assim também devemos ser nós!!!

Considerar que tudo vem dEle e é para Ele!

"Mas o que se gloriar, glorie-se nisto: em me entender e me conhecer, que eu sou o SENHOR, que faço beneficência, juízo e justiça na terra; porque destas coisas me agrado, diz o SENHOR." (Jr 9.25)

Se não fosse o Senhor, não estaríamos aqui hoje.

Se há algo... que seja o Senhor!

Se há alguma glória... que seja para Ele!

Ele é tudo!!!

"Porque dele e por ele, e para ele, são todas as coisas; glória, pois, a ele eternamente. Amém." (Rm 11.36)

E o que vc tem?

Se tem a Cristo, tens tudo!!!!

Aleluia!

quinta-feira, 10 de abril de 2008

O que importa?


Há situações calamitosas que a vida acaba nos impondo!

Situações difíceis de serem vividas em que a dor e a angústia parecem tomar conta e não abrir oportunidade para mais nada!

Quem está a salvo de passar por tais circustâncias?

Ninguém!!!

Devemos viver o dia de hoje preparados para o amanhã que, circustancialmente não está ao nosso alcance!

Mas uma coisa é certa: podemos fazer hoje a nossa escolha de como enfrentaremos os noss dias... a partir de hoje mesmo!

Escolher a forma de enfrentar a vida é saber viver!

Não importa a dor! Não importa a crise!

Importa sabermos quem está conosco!

Será que temos razão para nos alegrar - na alegria ou na tristeza, na saúde ou na doença, na riqueza ou na pobreza, etc, etc, etc.... ?????

Trata-se de um pacto... pacto de fidelidade... pacto de felicidade eterna... pacto com a certeza da companhia que jamais desampara, pois diferentemente dos homens falhos, há um que é fiel!!!

Não importa o que aconteça. Importa a certeza de que tudo está sob controle. Importa a certeza de quem temos ao nosso lado... Importa saber que CRISTO ESTÁ CONOSCO!!!

O nosso compromisso com Deus nos faz ir adiante. Não por causa de nós mesmos... antes, por causa dEle mesmo, que nos faz ir adiante, renovando as nossas forças para alcançarmos nossas metas, ainda que física, espiritual ou psicologicamente exaustos!

Ainda que as circustâncias tentem nos estagnar...

Não serão as situações adversas que nos farão perder o foco e o compromisso com a santificação, afinal, estamos em uma caminhada e pretendemos encontrar Deus, aperfeiçoando-nos, dia-a-dia no Seu amor...

"Segui a paz com todos, e a santificação, sem a qual ninguém verá o Senhor." (HJb 12.14)

Que o nosso compromisso seja profícuo. Na vida ou na morte!

E quando chegar o nosso momento de partir, estaremos felizes por jamais termos desistido... o amor de Deus nos levará... de dia em dia... de glória em glória!!!

A ordem é: ALCANÇAR!!!!

Alcance... conquiste... e jamais esqueça: "não importa a dor; não importa a crise; importa que Deus está conosco!!!"

Abraços!

terça-feira, 8 de abril de 2008

A verdadeira liberdade


Temos um Pai maravilhoso!
Nosso Deus zela de nós com o amor com o qual nunca poderemos sonhar!
Seu amor é muito mais do que nossa imaginação alcançará!

Como Pai bondoso que é, deseja a nossa felicidade como filhos.

Seu prazer é nos ver livres... livres daquilo que possa nos oprimir, nos entristecer, nos aprisionar...

Seguindo a história já registrada no livro do Gênesis, após nos formar, nos pôs no Éden da vida, deu-nos o livre arbítrio e instruiu-nos às formas de proceder uma vida saudável, sem nos limitarmos na nossa própria liberdade.

Deus disse ao primeiro homem, Adão, no Éden:

"E ordenou o SENHOR Deus ao homem, dizendo: De toda a árvore do jardim comerás livremente, Mas da árvore do conhecimento do bem e do mal, dela não comerás; porque no dia em que dela comeres, certamente morrerás." (Gn 2.16e17)

Da mesma forma ocorreu conosco.

Fomos colocados na vida e graças a Deus foram-nos passadas todas as regras de uma boa convivência.

No entanto, somos humanos, logo, passíveis de erros.

O Pai nos deu liberdade, mas infelizmente, seguindo as pegadas do primeiro Adão, abusamos dela.

Como crianças, insistimos em tocar o que foi proibido e pecamos.

Mas, o Pai, ainda que trite, não desistiu de nós!

Ele sabe que somos seus filhos e nos conhece bem para dar as costas e nos abandonar! Ele jamais o faria!

Talvez um pai ou uma mãe da terra, casados de ver um filho incidir num mesmo erro, desista dele... mas, Deus NÃO!

Ele quer nos sarar das nossas feridas. As feridas que nós mesmos nos causamos.

Ele quer perdoar-nos... e quer nos ensinar a perdoarmos a nós mesmos!

Ele quer nos amar sempre e nos ensinar que devemos amar a nossa vida também, por amor dEle mesmo!

E mais que isso: Ele quer nos ensinar a usufruir da liberdade que Ele mesmo nos deu! A fim de vivermos sem prejudicar a nós mesmos e as pessoas que nos cercam!

Ele deseja que sejamos LiVrEs!!! Existe coisa melhor?

"A liberdade verdadeira consiste em poder fazer tudo o que se quer, mas não se tornar escravo das próprias escolhas!!!" (Thereza Peres)

Como relata o teto Bíblico:

"Todas as coisas me são lícitas, mas nem todas as coisas convêm; todas as coisas me são lícitas, mas nem todas as coisas edificam." (1ºCo.10.23)

Sejamos livres... completamente... livres para saber dizer sim e também não áquelas coisas que vêm para nos aprisionar...

Nosso Pai nos quer ver LIVRES!

quarta-feira, 2 de abril de 2008

A nossa casa espiritual...



Deus não habita em templos feitos pelas mãos dos homens!

"O Deus que fez o mundo e tudo que nele há, sendo Senhor do céu e da terra, não habita em templos feitos por mãos de homens;" (At 17.24)

Deus habita em nós!

"Não sabeis vós que sois o templo de Deus e que o Espírito de Deus habita em vós?" (1º Co 3.16)


É o Seu prazer: fazer em nós morada e nos abençoar!

Falar da nossa casa espiritual é algo formidável!
Aliás, por falar dela, como anda a sua?

Será que gostaríamos ou nos habituaríamos ficar em um lugar não propício para o descanso, um lugar sujo, barulhento, problemático, desorganizado?

Eu não!... e Deus? Será que se sentiria feliz em ter uma morada assim?

Somos a casa de Deus. Ele deseja morar em nós.
E quem somos nós pra que Ele venha e faça morada na nossa vida?

Ele deseja... isso é, indiscutivelmente, uma verdade! Ele deseja!

Mas então? Como está a nossa casa?

Será que temos entregado todas as chaves dela para o Senhor?
Ou será que ainda nos reservamos em ter um "quarto", uma "sala" ou um "banheiro" só nosso?

Deus deseja habitar em nós, em todos os nossos sentidos, sentimentos e emoções.
Ele deseja fazer parte de tudo, exatamente tudo!

Sabe para quê?
Para que não hajam brechas para o "operar" do nosso inimigo!

Assim como na lenda infantil dos "três porquinhos" (hehe), o lobo mau ronda... ele quer entrar... e a sua voz tenta disfarçar-se: "Queridinhooo, abra a porta!"

Tudo parece inocente.
Sua voz parece suave?
Ele (satanás) se esforça e tenta enganar ("eu te dou o que você quiser, agora... não precisa esperar tanto tempo!" - essa é a sua oferta... tenta nos alcançar na nossa ansiedade e inquietude, posto que estamos sempre apressados).

Mas se nós tivermos Deus dentro da nossa casa (viver), por mais humilde que ela seja, não seremos nós a responder - "Não, não abro!"

Outra voz ecoará do interior dela:

- "Esta casa já está habitada. Esta casa já possui um dono. Não perturbe!"

É a voz do Bom Pastor... o Bom Pastor que dá a vida pela vida das suas ovelhas queridas (Jo 10.11)!

E o texto completa:

"Na verdade, na verdade vos digo que aquele que não entra pela porta no curral das ovelhas, mas sobe por outra parte, é ladrão e salteador.(Jo 10.1)"

Deus está conosco... e Ele bate a porta.. Ele quer entrar e fazer morada!

Se sente inseguro? Ele é a segurança!
Se sente sozinho? Ele é a companhia ideal!
Se sente mal amado? Ele te ama como ninguém!
Sente culpa pelo que passou? Ele é o perdão!
Se sente sem vida? Ele é a própria vida!!!


Aleluiaaaa!!!

O que dizer de tudo isso? Por que é tão difícil para nós abrir essa porta?

Às vezes, realmente, estamos despreparados para receber uma visita!
E muitos, além de indignos de ter Deus em suas casas, ainda ficam na expectativa de arrumar a casa pra depois recebê-lo... Claro que para Deus deve ser a melhor recepção, a melhor acomodação...

Mas não faça disso uma desculpa para prorrogar a Sua presença na casa do seu viver!

Se não dá conta de arrumar a sua casa, se está dificil, se se sente sozinho....

Clame por Ele... Ele virá ajudá-lo a faxinar, a colocar as coisas no Seu lugar!
Deus nos vê como crianças... Ele quer nos ajudar a pôr as coisas em ordem!

E quando a sua casa estiver linda e habitada, vai sentir a doce sensação de como é bom receber, não apenas a Sua visitação, mas também a Sua eterna companhia e morada em nosso viver!

Abra o coração... Peça e sinta Deus chegar...
Não se limite em deixá-lo parado na soleira da porta...
Abrace-o... sim, abrace-o e sinta a diferença do que é viver com o Pai...
O Pai protege... e Ele não deixará o ladrão entrar e roubar o que é seu!!!

"O ladrão não vem senão a roubar, a matar, e a destruir; eu vim para que tenham vida, e a tenham com abundância." (Jo 10.10)

Abraços queridos!

terça-feira, 25 de março de 2008

Ele é... Ele está... seu amor nos conquistou!!!

Estar feliz... tem coisa melhor?

Bom é crer que o Senhor é aquele que preparou o melhor para cada um de nós!

A segurança que devemos ter no Senhor deve ir além da nossa visão material.

Devemos apurar, em Deus, os nossos sentidos espirituais.

Tocar o Senhor, sentir o seu toque...

Falar com o Senhor; Ouvir a Sua voz; Sentir o maravilhoso aroma da sua presença...

Como é bom ter além da esperança - termos a certeza!

Mesmo sem poder vê-lo com os olhos materiais sabemos quem Ele é, sabemos que Ele se faz presente!!!

POder andar nos seus caminhos e sentir o Seu carinho!

E mais que isso: todo esse zelo nos faz sentir mais que especiais, o que de fato somos para Ele.

Estamos em um mundo onde ninguém mais parece se importar com o bem estar alheio.
Mas Ele, não! Ele preza pela nossa felicidade!

Ele nos concede a liberdade de andarmos por onde quisermos, mas, estupefatos por esse maravilhoso sentimento, passamos a desejá-Lo.

E assim nos vemos presos num amor desejado, amarrados num amor que traz segurança e nos prendem a Ele, por pura opção, pelo simples fato de ser bom viver em Seu amor!
Não parece um contra senso?

Ele nos liberta de nossos temores e pecados, e consequentemente somos conquistados para estar unidos eternamente a Ele, pelo sentimento mais perfeito que existe, que só poderia proceder dEle mesmo, pois é Ele o amor!

Aleluia!

E Ele é tudo!

Tudo o que precisamos!

Toda a força!

Toda a sabedoria!

E quando descobrimos que nEle podemos ser melhores, lhe rendemos tudo aquilo que lhe é próprio!

A Ele toda a nossa vida! Eternamente... pelo Seu eterno amor!

sábado, 22 de março de 2008

ELE VIVE! ALELUIAAA!!!


O homem trouxe para si muitos males, após a sua queda no Éden, quando pecou contra o Senhor.

O pecado separou o homem de Deus e a vergonha do homem, por ter agido erroneamente, propiciava um afastamento que a cada dia tornava-se maior.

Quanto mais o tempo passava, para mais distante o homem ia.

O povo de Deus tornou-se escravo no Egito, na Babilônia... o povo de Deus vivia aprisionado! Através primeira aliança de Deus com o homem, vinda através de Moisés pelas tábuas da lei, das ordenanças e estatutos, sacrifícios e oferendas, o homem tenta novamente reaproximar-se de Deus.

No entanto, voltava sempre a incidir nos mesmos erros: a corrupção, a mentira, dentre outras atitudes más, as quais estava habituado e por si só não conseguia se libertar.

Mas Deus não poderia nos ver para sempre tão longe ou envidando esforços que sempre tornavam a macular-se na incidência de outros pecados... e sozinhos nunca poderíamos mesmo!

Mas, Deus já havia arquitetado a forma que traria de volta o ser humano, o qual formou, para ser novamente reconduzido pelo caminho, um caminho que não seria mais trilhado por ele mesmo (o homem), mas pelo próprio Deus. Ele colocava em prática o plano da redenção!

E através de Jesus, nascido por obra de Deus, através do Espírito Santo, de uma mulher simples, pura, humilde e submissa a vontade do Senhor, chamada Maria, a história toma novo rumo.

Ele viveu e cabalmente cumpriu a sua missão.

Os milagres que realizou foram muitos; mudou centenas de vidas com Seu testemunho e amor maravilhoso! Ele marcou a história do mundo.

Amado por uns, odiado por outros.

Foi incompreendido por muitos, em cumprimento à palavra de Isaías 53:

"Porque foi subindo como renovo perante ele, e como raiz de uma terra seca; não tinha beleza nem formosura e, olhando nós para ele, não havia boa aparência nele, para que o desejássemos.
Era desprezado, e o mais rejeitado entre os homens, homem de dores, e experimentado nos trabalhos; e, como um de quem os homens escondiam o rosto, era desprezado, e não fizemos dele caso algum.
Verdadeiramente ele tomou sobre si as nossas enfermidades, e as nossas dores levou sobre si; e nós o reputávamos por aflito, ferido de Deus, e oprimido.
Mas ele foi ferido por causa das nossas transgressões, e moído por causa das nossas iniqüidades; o castigo que nos traz a paz estava sobre ele, e pelas suas pisaduras fomos sarados.

Todos nós andávamos desgarrados como ovelhas; cada um se desviava pelo seu caminho; mas o SENHOR fez cair sobre ele a iniqüidade de nós todos.
Ele foi oprimido e afligido, mas não abriu a sua boca; como um cordeiro foi levado ao matadouro, e como a ovelha muda perante os seus tosquiadores, assim ele não abriu a sua boca.
Da opressão e do juízo foi tirado; e quem contará o tempo da sua vida? Porquanto foi cortado da terra dos viventes; pela transgressão do meu povo ele foi atingido."
(Isaías 53: 2 a 8)

Ele ganhou a confiança de muitos, porém, os mesmos que o aplaudiram com ramos na sua entrada triunfal em Jerusalém, foram os mesmos que mais tarde decidiram pela sua crucificação!

Na noite anterior à sua morte, sentindo a pressão do momento opressor que se acercava dEle, vai ao seu lugar predileto de oração - o Jardim do Getsêmani. Lá Ele pede ao Pai que, se possível for, passe dEle aquele amargo cálice. Sua dor interior é tão intensa que o faz suar gotas de sangue, um processo cientificamente comprovado "hematidrose" - um fenômeno raríssimo, produzido em condições excepcionais: para provocá-lo é necessário uma fraqueza física, acompanhada de um abatimento moral violento causado por uma profunda emoção, por um grande medo. O terror, o susto, a angústia terrível de sentir-se carregando todos os pecados dos homens devem ter esmagado Jesus. Tal tensão extrema produz o rompimento das finíssimas veias capilares que estão sob as glândulas sudoríparas, o sangue se mistura ao suor e se concentra sobre a pele, e então escorre por todo o corpo até a terra.

Mas Deus não pouparia o próprio Filho por amor de nós.
A vontade do Pai foi feita e terrivelmente o Filho é sacrificado junto com crimonosos, levando sobre si os nosso pecados, erros e delitos.

Quanta dor!
O desrespeito ao seu corpo transpassado e moído por nossas iniquidades...
Sua sede covardemente amenizada com uma esponja enbebida de vinagre!
Uma coroa de espinhos, a zombação de ser Ele o "rei dos judeus"...

Essas e muitas outras atrocidades lhe foram imputadas. Vituperado e tido como maldito!

Ele definitivamente tonou o nosso lugar.
Aquela cruz era nossa! Que dor Jesus sentiu!

Mas tudo fez por amor!
Ele carregou a nossa cruz para que pudessemos ser perdoados.
E entregando o seu espírito ao Pai!!!

Os discípulos desconsolados, pareciam não recordar que Ele mesmo disse que estariam novamente juntos e que a ceia que há dias atras realizaram tornaria a ocorrer do Reino de Seu Pai, nos céus.

E após o terceiro dia, Ele ressurge!
Ressurge para nossa justificação.
Ele nos traz a liberdade e a vida, pois, sendo Ele vivo, não somos mais os culpados pelo seu perecimento eterno!

E assim nos resgata eternamente do tormento e da culpa que nos seria imputada pelo nosso acusador.
Vai ao inferno e tira das mãos de satanás a chave do inferno e da morte!

Aleluia!
Ele vive!
Ele não está preso num sepulcro, em um crucifixo, NÃÃÃÃOOO!!! Ele nos atende em nossas necessidades.

E Ele mesmo prometeu que voltaria para nos levar consigo, pois na casa de Seu pai há muitas moradas; Ele foi para preparar tambem o nosso lugar para que onde quer que Ele estiver, nós, os seus amados estejamos juntamente com Ele!

Da condição de servos, nos faz filhos.
Da condição de réus, nos faz livres!
Da condição de doentes, nos faz sarados.

E assim conquista a nossa redenção!
Seria para nós sacrificio demais aceitar imensurável amor?
Não há nada que pague esse amor incalculavel e insondável!

Sua graça nos alcançou... favor imerecido.
Não há nada de mais que façamos para pagar!
Ele pagou todo preço.

Nosso dever e sublime missão é propagar esse amor e trazer às vidas a liberdade que Ele nos oferece! Liberdade física, espiritual!
Liberdade psicológica... liberdade da almaaaa!!!!

Presos a uma matéria, mas livres no pensamento, para poder alcançá-lo através da fé que Ele mesmo pôs em nós!

TE AMO JESUSSSS!!!
Tua morte na cruz me trouxe vida e me fez, juntamente contigo, na condição de filha de Deus, herdeira de todas as coisas que Tu conqusitastes através de seu sacrifício na cruz por mim!


"Hoje sou livre, pois Ele vive...
Ele vive, Ele reina enfim... em mim!!!"

terça-feira, 18 de março de 2008

A ansiedade

O Senhor nos convida a lançarmos sobre Ele toda a nossa ansiedade!

"Lançando sobre ele toda a vossa ansiedade, porque ele tem cuidado de vós." (1 Pe 5.7)

Quando o Senhor nos faz esse convite, é porque Ele sabe que a nossa ansiedade nos traz prejuízos dos quais Ele nos quer ver livres!

A ansiedade gera preocupações que devem ser evitadas pelo fato de termos um Pai provedor, cuidadoso, que está zelando de nós e abrindo a trilha que nos conduz ao futuro feliz que Ele mesmo já preparou.

Preocupar-se é trazer as inseguranças e temores do amanhã para o dia de hoje!
É se ocupar por antecipação...
É, muitas vezes, ilusionar o que talvez nem venha a ocorrer, e sofrer por isso.

É claro que devemos nos precaver, trabalhar, estudar, cultivar uma vida espirititual, emocional, sentimental e socialmente sadia...

Mas, preocupar-se demais não é salutar.
A ansiedade toma conta e o desequilíbrio das emoções batem forte à porta do viver.
E como manter a porta fechada se a ansiedade nos faz delirar e transportar a porta do hoje, em busca de um amanhã duvidoso?

Não sabemos o que está depois da porta, mas somos curiosos.
Nos iludimos demais ou nos apavoramos antecipadamente.
Como isso é ruim!!!

A ansiedade também abre as portas de um sistema imunológico mais fragilizado e isso é constatado cientificamente!
Por causa da ansiedade e da exacerbada preocupação, as pessoas estão sujeitas a adoecer mais facilmente e as enfermidades psicológicas, emocionais e até físicas surgem.

Mas, lá está Ele, nos convidando para depositarmos nEle a nossa ansiedade.
Por que teimamos em retê-la?
POr que parece ser tão mais fácil carregar esse pesado fardo que nos traz raiva, nervosismos e cansaço?
Quem nunca se cansou de ser um ansioso, de viver escravo do amanhã?

Deus não nos fez pra isso!
Deus nos fez para sermos livres, sem nenhuma algema!
Mas cá estamos nós, vira e mexe, nos algemando novamente, nos acorrentando na ansiedade.

E o mais importante:
Quando olhamos pro amanhã, deixamos de fazer, hoje, o que interessa!
O amanhã nos ocupa de tal forma a vivê-lo antecipadamente; uma falsa vivência.
Por que não deixar o dia do amanhã para o amanhã?

"Não vos inquieteis, pois, pelo dia de amanhã, porque o dia de amanhã cuidará de si mesmo. Basta a cada dia o seu mal." (Mt 6.34)

Preocupar-se resolverá o nosso problema?
Se ao menos resolvesse... mas, não!!!
A preocupação só traz desgaste e para nada serve.
A preocupação e a ansiedade causa tristeza, amargura, insegurança...
E aí murmuramos e nos esquecemos que há um Deus que está no controle de todas as coisas!

Como o Senhor se entristece de ver o filho a quem ama se escabelar por coisas que não fugião do Seu divino talante!!!

Esquecer do agora e viver em função do amanhã não é o normal; não é o ideal!
Viva cada dia, agradando e adorando a Deus.
Agrade-O na confiança depositada nEle.

"Entrega o teu caminho ao SENHOR; confia nele, e ele o fará." (Sl; 37.5)

quinta-feira, 6 de março de 2008

Os olhos no lugar certo...


Nossa, há quanto tempo não posto aqui...
A vida tem sido corrida, muito corrida!
Estou quase que sem tempo, totalmente comprometida!

Minha pós-graduação me ocupa totalmente e a Cantata de Páscoa está praticamente nas minhas mãos... quer dizer, até o dia em que entreguei tudo isso nas mãos do Senhor; afinal de contas, sem Ele eu não poderei ir muito longe na intensa agitação que anda a minha vida.

Só Deus para renovar as forças...
Só Deus para animar quando tudo que a gente vê é desmotivador.

Na verdade, não se trata de um caos instalado de uma hora para outra.
Vivemos num mundo em que o caos encontra-se instalado há muito tempo.
Mas, o que fazer?

Tenho tentado colocar meus olhos no Senhor!
Completamente no Senhor.
Isso me ajuda a superar.
Olhar pra Ele não nos deixa perder o foco.
A nossa salvação está nEle.

E podemos extrair, da história de Pedro, uma boa lição para o viver.
O mar está revoltado.
A noite é intensa... é escura...
Qualquer vento contrário nos faz perder a paz, o sossego, o sono...
E então parecemos zumbis, com olhos estatelados, à espera do pior.

Nos esquecemos que possuimos um amigo que pode todas as coisas.
Nos esquecemos que, ainda que seja andando sobre as águas, Ele virá para nos arrebatar da morte.
Pensamos que Deus nada fará e assistirá de camarote a nossa derrocada.

Não! Não é assim!
Por que nunca conseguimos olhar as coisas com os olhos do sobrenatural?
Por que é tão mais fácil acreditar que tudo vai dar errado quando as coisas não parecem ir bem?
Por que não temos confiança no Senhor e na força do Seu braço vitorioso?
Por que somos tão desesperados?

Ahhhh, nossa ansiedade nos mata,
Nossa ansiedade nos oprime...
Nossa ansiedade nos faz perder o foco.

E assim estava Pedro.
Ele dizia acreditar no Senhor, mas não foi capaz de reconhecê-lo.
E como se não bastasse duvidar da presença de quem sempre esteve com ele e os discípulos, faz prova e audacionsamente diz: "Se é mesmo o Senhor, faz-me ir ter contingo por cima das águas!"

E Deus, parecendo "dar corda" pra audácia de Pedro, manifesta-se no sentido de coadunar com a hipótese que logo passa a ser verídica.
E Pedro vai...
Coloca o primeiro pé... surpreendido o segundo...
E COMEÇA A ANDAR POR CIMA DAS ÁGUAS!!

Mas, logo ele perde o foco.
Logo ele tira os olhos do Senhor...
Logo ele passa a vizualizar a noite tenebrosa...
O mar agitado, a escuridão...

E isso, quase que instatâneamente, o leva do "céu" ao "caos"...


É surpreendente a forma com que se procede esse discrepante transtorno.

Da alegria à calamidade... Da calmaria ao desespero!

É exatamente isso que ocorre quando tiramos nossos olhos do Senhor!
Enxergamos tudo, menos o que devemos.

Devemos estar com nossos olhos em Cristo.
Vendo Ele, veremos a nossa vitória, por intermédio da fé.

Tirando dEle os nossos olhos, nada mais nos resta senão lamentar a situação desastrosa que nos encontramos, afinal estamos em um mundo completamente sujo e podre.

E de repente nos encontramos totalmente alienados... perdidos!!!

Que nunca se sentiu assim?
Nem nunca se achou um peixe fora d'água?
Quem nunca se encontrou totalmente desencaixado da realidade?
Nem nunca achou que não pertence a esse mundo?

E não somos.

Mas precisamos aprender a viver nele.
Não nos tornando como ele, mas sobressaindo e mostrando aos que estão desesperados que na nossa vida conseguimos, através de Cristo, e que eles também poderão através dEle!

Não é fácil viver...
Não é fácil vencer!
Mas podemos com Cristo.

E somente com os olhos nEle chegaremos...
Alcançaremos sem nos enfiarmos na lama e podridão que nos invade as narinas!

Coloquemos os nossos olhos no Senhor!
Ele é o nosso alvo...
Ele é o nosso foco!!!

quinta-feira, 14 de fevereiro de 2008

Descansar no Senhor!!!


Deus cuida de nós.

Mais do que podemos supor...

ELe cuida de nós!!!

Quando devemos temer?

Na adversidade?

Na falta?

Na necessidade?

NO momento triste, de perda, de ausência?

DEus prova a nossa fidelidade.

Ele espera de nós a nossa confiança, uma vez que nos garante os Seus braços fortes.

E Ele se revela conosco!

Ele não muda. ELe não pode mentir!!!


Muitas vezes nos preocupamos com o dia do amanhã.

Mas Deus nos adverte: "Basta a cada dia seu mal!"

Ele quer que vivamos o dia de hoje plenamente, sem demonstrarmos ansiedade pelo amanhã.

A ansiedade é o mal do século.

Por causa dela querermos mais rápido.

Por causa dela, pagamos mais caro.

POr causa dela, desejamos viver intensamente o hoje, ainda que o amanhã reste completamente prejudicado.

Parece que nos esquecemos que existe um Pai que não abandona, mas que supre todas as nossas carências.




E Ele mesmo nos convida a descansarmos nELe.

Se você se preocupa com o que há de viver, ELe nos Lembra: Eu sou a vida!

Se você se preocupa o que há de comer, Ele nos lembra: você está vivo!

Se você se preocupa com o que há de vestir, ELe nos lembra: você possui um corpo!

Ou o que é mais importante? Ter vida e ter um corpo OU o alimento e as vestes?

Deus sabe o que nos é importante e o momento de cada coisa. ELe não nos deixará faltar nada..

Mas, pensee...

Ainda que haja alimento, do que valerá se não houver a vida para ser alimentada...

E do que adianta ter roupas se o corpo já não há para vestir?


Descanse no Senhor, buscando primeiro a SUa maravilhosa vontade e as demais coisas lhe serão acrescentadas!

Nâo há porque duvidar, questionar, entristecer... Ele não nos deixará!
Ele bem sabe o que nos é necessário e antes de pedirmos conhece as nossas necesidades.

SEu prazer não consiste no nosso sofrimento, antes moldar-nos para nos tornarmos conforme a SUa semelhança!

Por isso, descanse no Senhor!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...